Colorir os sentimentos – workshop

Olá! Como te sentes?

Hoje trago-te esta partilha,

Workshop com cores e rabiscos verdadeiramente alquímicos 

Esta é a 2 °edição deste workshop que amo e criei para ti, com imenso prazer.

É uma prática super simples e surpreendente que nos permite fazer a alquimia dos sentimentos.

Vai ser um momento “fora da caixa”, muuito descontraído e lúdico.

Este workshop não é sobre mascarar os sentimentos, dando-lhes as cores que queremos.

É exatamente ao contrário!

A alquimia dos sentimentos dá-se de forma intuitiva e natural.

São as cores e os traços que te vão mostrar qual o caminho para os transmutares. 

E qual a mensagem que te trazem.

E apesar de seres tu a transpores os sentimentos para o papel, é o teu espírito que irá guiar-te de forma suave e muito sábia em todo o processo.

Permite-te a um momento de pura magia e muita descontração.

Este workshop é a melhor ferramenta que podes adquirir, para a mestria de ti própri@ através dos sentimentos.

  • Empoderamento pessoal
  • Autoconhecimento
  • Autoconfiança
  • Clareza
  • Desenvolvimento da intuição
  • Amor próprio
  • Foco
  • Criatividade em momentos desafiantes
  • Tranquilidade
  • Bem-Estar

É o que podes receber com este workshop.

Vai ser uma tarde muito transformadora e descontraída.

Tenho a certeza que vais amar participar!

Quando: 4 de dezembro

Duração: 3 horas (15h00 às 18h00)

Para quem: todos dos 12 aos 99 anos

Local: Paço de Arcos

Valor (2 modalidades):

modalidade A – 44€ com oferta de material, para continuares a criar momentos mágicos

modalidade B – 35€ traz os teus lápis de cor preferidos, ou empresto-te os meus

Inscrições até dia 1 de dezembro

Indicado para: 

Todos dos 12 aos 99 anos

E crianças a partir dos 

5 anos, acompanhadas por um adulto

NOTA ESPECIAL:

Se a tua criança (dos 5 aos 11) quiser vir participar contigo, será muito bem-vinda!

Acredito que será um momento de criação de vínculos ainda mais especiais, entre vós.

Valor especial 1 criança + 1 adulto: 44€ com 1 pack de material incluído 

(a criança é oferta minha – só tem de trazer os seus lápis de cor preferidos)

Queres participar?

Clica aqui neste link e inscreve-te.

Também podes enviar-me mensagem aqui

para saberes as próximas datas deste workshop 

ou ainda

para agendarmos 

um evento privado e muito divertido em família (min. 2 pessoas)

ou para um grupo em Team Building, num momento altamente transformador e benéfico para todos.

Se não estás na zona de Lisboa, podes desafiar-me a ir até à tua localidade,

ou em alternativa, também existe a possibilidade de fazermos um evento on-line.

Tu escolhes!

Valores sob consulta para grupos

Clica nos links a seguir, para veres o feedback dos participantes da 1ª edição: Facebook ou Instagram

Até já!

Com amor,

Colorir os sentimentos - workshop_1

O Renascer da Deusa – workshop on-line

O Renascer da Deusa – Workshop online 13 e 14 Março 2021 

Neste workshop de empoderamento pessoal, vem resgatar a tua deusa interior e a abundância da tua energia divina. Desde o conforto do teu lar.

Vem conectar-te connosco nestes dois dias de pura magia e transformação.

Horário: sábado e domingo das 10h00 às 18h00 (hora de Lisboa)

Com 1h30 de intervalo para almoço.

Convidamos-te durante dois dias online a:

✽ Limpar bloqueios;

✽ Reconhecer o que te limita;

✽ Fazer as pazes com o teu passado;

✽ Criares um compromisso para contigo, que te eleve e te apoie a seres a tua melhor versão;

✽ Tudo de uma forma lúdica e interativa.

O que vais receber:

✽ Ampliar a conexão com o teu coração;

✽ Aprender uma poderosa técnica de cura Xamânica;

✽ Duas meditações maravilhosas de limpeza e manifestação;

✽ Vários rituais de empoderamento;

Continue reading “O Renascer da Deusa – workshop on-line”

Consciência, mesmo num gesto simples

Estamos já em 2021… Céus, como o tempo voa!…

Desejo que te encontres bem e que a celebração das festividades tenha sido acima de tudo, com muito amor e saúde, junto de quem amas e queres bem.

Estarmos bem é cada vez mais uma preciosidade. E muitos de nós já descobriram, que não é preciso ter grandes luxos materiais para nos sentirmos bem, certo? O básico, o confortável, o saudável e bom, é o essencial para o nosso bem-estar diário. Até porque luxo, não tem de ser sinónimo de um grande investimento financeiro, pois pode ser algo tão simples como estar na presença de alguém que nos é muito querido.

Este ano começo com um texto que talvez possa soar a contestação, mas é minha intenção trazer luz à forma de nos consciencializarmos dentro da sociedade em que vivemos.

Buzinar….

Vivo numa ponta desta cidade linda que é Lisboa, mas que é isso mesmo…., uma cidade com toda a sua azáfama. Parece que numa cidade andamos todos um pouco acelerados…

Se há coisa que me incomoda bastante, são as buzinadelas “fáceis” no trânsito e as ultrapassagens “à maluca” de quem vai cheio de pressa para algures. Já para não falar no ruido das sirenes dos veículos prioritários, que nos entram pelos ouvidos dentro, seja a que horas for – vá lá que durante o período noturno, a coisa abranda!

No outro dia, dentro de um estacionamento subterrâneo e por causa de algo tão banal, que já nem me lembro o quê, criou-se uma fila considerável. E eis que alguém se lembra de buzinar…. Oh céus! Por favor!!! Buzinar na rua já é o que é, mas buzinar dentro de um estacionamento…. É o verdadeiro caos para a sanidade dos nossos queridos ouvidos.

Não! Buzinar não resolve nada. Na maioria das vezes só atrapalha. Se tu conduzes, já reparaste que quando há trânsito e se ouve uma sirene ficamos todos tipo baratas tontas a desviarmo-nos sem saber bem para onde. Ok, é necessário por vezes passar com urgência, mas já estava na hora de criarem umas coisas menos barulhentas, não? Basta chamar a atenção do pessoal com um som diferente… não é necessário aquele festival todo de ruído. Também concordas?

Será que é mesmo necessário….?

Continue reading “Consciência, mesmo num gesto simples”

Meditação Guiada com o Amor Próprio

Bom dia alegria!

Hoje regresso com uma nova meditação guiada. Já há algum tempo que não te trazia uma meditação e desta vez senti um forte apelo a criar uma muito especial para a partilhar contigo.

Vamos navegar nas ondas suaves e generosas do amor próprio. Nesta meditação venho convidar-te para um momento muito relaxante e nutritivo. Um momento só para ti e criado exclusivamente para o teu benefício. Aliás, como todos os posts deste blog o são. A diferença, é que com a meditação guiada, irás beneficiar de um momento de pausa e interiorização só teu, para estimular em ti e dar um boost especial à tua essência do amor na sua versão mais pura e autêntica, o amor próprio.

Hoje, mais que nunca a essência do amor é muito importante e essencial ao nosso bem-estar. O nosso chakra do coração é o responsável pela forma como damos e recebemos amor. Cada chakra está ainda associado a órgãos e glândulas. Sabias que o chakra do coração está associado à glândula timo? E sim, a timo é a grande responsável pelo nosso sistema imunitário.

O amor é a energia que permite que a cura se manifeste. O amor é ainda aquela vibração que nos mantém saudáveis e despertos para um modo de vida mais presente e consciente, levando-nos a viver uma vida mais completa e ativa.

E nesta nova fase das nossas vidas que estamos todos a atravessar, (re)aprendendo a viver e a comunicar, senti que era super importante partilhar esta meditação guiada com o amor próprio.

Que ela te traga um imenso bem-estar é o meu mais profundo desejo.

Desfruta dos próximos momentos:

Continue reading “Meditação Guiada com o Amor Próprio”

Caminhar rumo ao meu propósito e viver todos os momentos presentes

Bom dia com Alegria!

Esta semana ouvi algo que me fez lembrar de uma marotice que fiz, quando era criança. Num Natal, depois de saber que seriam os meus pais a colocar os presentes na Árvore de Natal, e sabendo eu onde eles estavam “escondidos”, a minha criança interior não resistiu à intensa curiosidade e foi muito sorrateiramente abri-los para saber o que continham, muito antes do momento devido, a noite de Natal.

Foi dos Natais mais tristes que tive. Aquela magia vibrante de viver a expectativa e de tentar adivinhar o que os presentes continham, depois da ceia com a família e acima de tudo a alegria de os desembrulhar, partilhar essa felicidade com ela, simplesmente não existiu.

E porquê? Porque o meu comportamento tonto não conseguiu resistir à tentação de saber onde estavam os presentes, sem que os tivesse chocalhado antes e os ter aberto (supostamente muito disfarçadamente – a minha mãe diz que não…) sem que ninguém visse.

Logo, não foi surpresa nenhuma ter ouvido que um estudo revelou, que há uma grande percentagem de pessoas que quando começa a ler um livro, salta para as últimas páginas para saber qual o desfecho da história antes de ter lido todos os seus capítulos.

Caminhar rumo ao meu propósito e viver todos os momentos presentes

Estes são só dois exemplos de muitas situações semelhantes, que acontecem ao longo da nossa vida. Quantos de nós queimam etapas, só para chegar rapidamente ao resultado final?

Continue reading “Caminhar rumo ao meu propósito e viver todos os momentos presentes”

Mas afinal, o que é voltar à normalidade?

Bom dia com Alegria!

Estamos em pleno verão, o tempo está óptimo e muitos estão de férias, ou quase a ir. Nós cá em casa, decidimos mais uma vez ir de férias mais tarde. Gostamos de fugir das “confusões”, sempre que podemos.

Mas este ano, o factor férias foi um pouco condicionado com todas as adaptações resultantes dos efeitos do vírus nas nossas vidas. Há quem nem sequer vá de férias. Há quem tenha visto a sua vida virada completamente do avesso, sem saber bem o que fazer, ou como gerir a situação em que se encontra. Mas também há, quem se tenha (re)descoberto e aproveitado a situação para mudar de vida, ou de trabalho.

Há ainda o rótulo, ou a expressão “voltar à normalidade”, que muito tenho ouvido por aí, associada à grande vontade de voltar à normalidade.

Mas afinal, o que é voltar à normalidade?

E eu pergunto-me, o que é a normalidade? Será que isso alguma vez existiu?… Há dias em que me questiono, e requestiono (não sei se esta palavra existe, mas avancemos) sobre o que estamos a viver. E questiono-me se as pessoas saberão realmente, o que estamos a viver neste momento.

Fazer um flashback, ajuda-nos a entendermos melhor o que estamos a processar e perceber qual é a próxima direcção a seguir.

Continue reading “Mas afinal, o que é voltar à normalidade?”