Limpar, Limpar, Limpar

Olá novamente! É tão bom estar de volta!

Já te disse o quão delicioso e gratificante é sentir-te aí desse lado? É sim, grata a ti.

Confesso que as férias me souberam lindamente, mas o desconectar-me do blog foi como se uma parte de mim estivesse em falta. Mas por vezes temos de nos desligar de algo, para nos conectarmos na totalidade com outro tema e neste caso, foi criar o espaço para dedicar-me a mim e à família e nutrirmo-nos em conjunto, saboreando o sol, o mar, a natureza, e assim regressarmos em pleno e cheios de energias renovadas.

Por falar em renovar energias… já por várias vezes me perguntaram como faço com a limpeza da casa, mais propriamente a limpeza energética, o que uso e com que regularidade o faço.

Ora então vamos lá! Todas as casas têm a sua própria energia, que é gerada pelo local onde se encontra fisicamente e pelas pessoas que lá vivem e a visitam.

Quanto aos que vivem na casa, até parece simples, somos nós, certo? Bom, nem por isso. É que nós não vivemos numa bolha e estamos em constante contacto com os locais e as pessoas com que nos cruzamos ao longo do dia, que por sinal têm a sua própria energia e por aí fora. E trazemos essas energias todas para dentro da nossa casa…. Imagino que já estejas a começar a pensar em todo aquele “lixo” que andas a levar para casa… Pois é, é que nem sempre nos movemos por locais limpos, nem tão pouco frequentados por pessoas felizes e com energias equilibradas. Até nós próprios, quando nos preocupamos, zangamos ou adoecemos, espelhamos essas mesmas energias na nossa casa.

Logo, não é necessário sairmos para trazer “lixo” energético para dentro de casa; nós próprios o produzimos. O que é perfeitamente normal!

Mas também temos a possibilidade de transformar essas energias mais pesadas, em energias mais leves e luminosas. Como? Ganhando consciência sobre a forma como pensamos e agimos, e no caso de serem menos positivas, fazer o possível para as mudar para algo positivo.

E, como nem sempre isso é possível por motivos vários, o limpar a casa energeticamente é uma mais valia, que vai ajudar a purificar e elevar a energia da tua casa, que, por conseguinte, irá surtir efeito em ti e em todos os que a habitam e visitam.

Como limpar energeticamente a casa?

Básico dos básicos é limpar o pó, aspirar, lavar, ter as coisas arrumadas e organizadas, arejar a casa, enfim o básico mesmo.

Depois existem várias opções, e hoje partilho contigo as que são da minha prática diária e regular. Se há algo que me deixa embevecida é ouvir os amigos e as pessoas que visitam a minha casa dizerem, que se sentem em casa e que se sentem muito bem, que a casa tem uma energia maravilhosa. É tão bom!!…

Diariamente, criei o hábito de na entrada de casa acender uma vela e queimar um incenso. Afinal de contas, é através da porta que a grande maioria das energias entra.

Velas, Incensos e Selenites

Ao acender a vela, digo uma pequena oração à deusa Vesta (deusa do fogo). Aproveito que a vela está acesa e uso a sua chama para acender o incenso. Neste momento, invoco a presença do elemento fogo, para que através do incenso sejam queimadas todas as energias impuras da casa e sejam transformadas em energias de luz, amor, alegria e abundância. E agradeço em ambos os casos (vela e incenso).

Algo que está sempre presente também, são os cristais de Selenite. A Selenite é um excelente cristal de limpeza das energias de qualquer ambiente; é um cristal que se auto-limpa e serve para limpar os outros cristais. Costumo usar na forma de “drop” e coloco-os em pequenos recipientes de vidro (pode ser um copo de iogurte) nos quatro cantos principais da casa, e um outro na entrada da casa. Uma boa alternativa à Selenite, é o uso de pequenas taças de vidro (os tais copos de iogurte servem bem) com água e sal grosso (cerca de uma colher de chá bem cheia). Qualquer uma destas opções, deve ser limpa e substituída semanalmente. No caso das Selenites, basta limpar com um pano seco e lavar as tacinhas. Atenção que este cristal estraga-se se for colocado em água! Se usares as pequenas taças com água e sal, a água deve ser deitada fora semanalmente e substituída por água limpa e nova adição de sal grosso.

Pau Santo e “Limpar, Limpar, Limpar”

Mas o que eu gosto realmente, é de usar o Pau Santo! São pedaços de madeira de Pau Santo, que são atiçados/acendidos na chama de uma vela. Utilizam-se quando estão só a deitar fumo, e este processo é o que se chama de “defumar a casa”.

É um processo simples e que faço sempre girando o pedaço de madeira no sentido horário, três (3) vezes. Durante este movimento eu digo sempre em silêncio “limpar, limpar, limpar”. Com este procedimento, podes limpar cristais, uma divisão da casa ou a casa toda se assim o desejares (é preferível fazer na casa toda!).

Com o Pau Santo, uso sempre o mesmo procedimento da rotação por 3 vezes no sentido horário. Normalmente começo pela entrada da casa e percorro o resto da mesma, no sentido dos ponteiros do relógio, seguindo para a divisão que se encontra imediatamente à direita e assim por conseguinte, até regressar ao local onde comecei (sem nunca voltar atrás!). Durante o percurso, limpo todos os cantos da casa (que é onde se acumulam as energias mais densas), e também as portas e janelas (onde há troca de energias). É eficiente e deixa um cheirinho muito agradável e a limpo, que me faz lembrar o das casas antigas quando eram enceradas.

O Pau Santo encontra-se com facilidade à venda, em lojas de produtos esotéricos. No caso de não se ter certeza da origem e dos produtos contidos nos incensos, pois podem causar alergias ou algum tipo de sensibilidade, o Pau Santo é uma boa alternativa, pois é um pedaço de madeira natural, sem aditivos, usado desde a antiguidade para fins de meditação, limpeza e protecção energética da aura e de espaços.

E com este post desejo-te umas boas limpezas, especialmente agora que estamos no Outono e as energias de libertação e limpeza ganham uma maior importância. A natureza é uma verdadeira inspiração, pois é no Outono que as árvores se libertam do que já não serve, para se abrirem às energias de integração (Inverno) e mais tarde às de renovação (Primavera).

Agradeço a tua presença desejando-te um dia muito feliz.

Com amor, Teresa

Pau Santo e Selenites
Pau Santo pronto a ser utilizado e Drops de Selenite

As tuas palavras são bem-vindas. Deixa um comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s